RELAÇÃO ENTRE IRMÃOS - BRIGAS E DIFICULDADES



Hoje, quero trazer parte da minha experiência em atendimentos com Constelação Familiar quando vamos identificar a causa, a origem da difícil relação entre irmãos, do porquê de tantas brigas, dificuldades e desentendimentos. É claro que cada caso é um caso, precisa ser avaliado de forma individual para que se tenha um diagnóstico preciso. Nada pode ser generalizado.


O que observo com muita frequência é que normalmente nestas famílias em que os irmãos não conseguem manter uma boa relação, é bem comum encontrarmos:


- Outros irmãos que não nasceram ou que nasceram e faleceram mas que não foram contados, inseridos, incluídos na família. Isso significa que este membro ao invés de pertencer a família, encontra-se excluído. Com isso, a ordem entre os irmãos fica comprometida e cada um não ocupa o seu devido lugar para que esta relação seja saudável e para que o sistema como um todo mantenha seu pleno equilíbrio.


Se um irmão não é incluído, o outro tende a ocupar o seu lugar, gerando "mal-estar" entre eles. Bert Hellinger explica que quando alguma pessoa é excluída, seu destino é inconscientemente assumido por membros subsequentes da família.


Sendo assim, podemos observar que o reflexo da exclusão de alguém que tem direito de pertencer ao sistema pode atingir a todos e ocasionar, de forma até mais intensa, a tensão entre irmãos, que desejam honrar, ainda que inconscientemente, os familiares excluídos.


Tudo isso também é válido para irmãos de relações extraconjugais dos pais ou de relacionamentos anteriores que estão excluídos e até mesmo para casos de irmãos adultos excluídos após brigas.


Precisa de ajuda para entender melhor qual é o seu lugar nesta família e qual é a real causa/origem da difícil relação que você tem com seus irmãos? A Constelação Familiar e a Terapia Sistêmica podem lhe ajudar nisso! Venha conhecer melhor!


Com carinho Leidiane Mellf


@leidianemellf www.leidianemellf.com.br